18 fevereiro 2009

nocturnos - Ana Marques Gastão


Quando pela noite chegas dissolvem-se as trevas
e eu partir não quero, porque esta é a noite
que ilumina o dia, canto do silêncio, eco subtil
no discurso do mundo. Quando pela noite chegas
é meu o teu amor, e a morte tarda doce como o mel.

nocturnos - Ana Marques Gastão

Amadíssimo Senhor

estou leve como o ar de pura alegria
meu rosto cora ao pensar em SI
meu coração bate mais rápido
floresço como os dias de primavera
que tivemos em pleno inverno...

muitos beijos apaixonados e submissos

SUA maria da luz

4 comentários:

{ÍsisdoEgito}JZ disse...

Maria, esta foto ficou deslumbrante....
A sombra a deixa misteriosa e sensual ao mesmo tempo, mostra escondendo.

Querida, gostaria de pedir-lhe um favor:
se puder, troque o endereço de meu blog antigo pelo endereço do blog novo, que refiz por motivos de acesso e tecnicos do google.
Deixo-te o link novo, ok?

O Infinito Particular de IsisdoJun
http://www.tattourouge1.blogspot.com

Beijos carinhosos,

{ÍsisdoEgito]JZ

Sir Stephen e SUA maria{SS} disse...

Querida {ÍsisdoEgito]JZ

muito obrigada pelo elogio!
eu já tinha colocado o link novo mas tinha esquecido de apagar o antigo... mil desculpas
beijinhos

maria{SS}

Casal do Arrocha disse...

Passando pra deixar uns beijinhos gostosos!
Cheiros...

Sir Stephen e SUA maria{SS} disse...

vocês são uns docinhos...
eu desde que cheguei de férias tenho tido tanto trabalho que nem tem dado para visitar os amigos...
beijos

maria{SS}